Próximos Eventos

Sem eventos

Nossos Ministérios

BERCARIO_home

BROTINHOS_home

glubglub_home

Dynamic_Station_Home

Time_de_Deus_home

Mocidade_02_Home_01

111_Home_soon

113_ministerios2b


Jornadas Missionárias:

Um Testemunho

Ler todos os testemunhos

Por Ellen Lee, Equipe de Tabatinga para as Jornadas Missionárias 2014

Nessa viagem missionária, Deus me mostrou que sou fraca e limitada e que nada posso sem Ele. Nos primeiros dias, senti um grande choque cultural, pois não conhecia o modo de vida dos indígenas. Além disso, senti bastante cansaço físico e fome, mas com a graça de Deus através dos devocionais matinais, momentos de oração, sermões e muita meditação (QT), passei a confiar mais em Deus e receber o que Ele havia preparado pra mim a cada dia que passava. Meu plano inicial ao participar da viagem missionária era praticar tudo que eu havia aprendido e estudado nos sermões e estudos bíblicos, realmente vivenciar o que eu dizia crer que era correto. Queria sofrer, descobrir meus limites e principalmente me confrontar com Deus, ouvir e aprender tudo que Ele queria que eu aprendesse. Lá em Tabatinga, fiquei longe das responsabilidades, da família e dos amigos. Nem o celular eu podia usar, ou seja, zero distração. Foi nessa viagem que eu experimentei como é viver 24h por dia focado em Deus, na Sua obra, orando constantemente e servindo o próximo. Em momentos de fraqueza em que eu desejava desistir, orava pra Deus e Ele me respondia     através da leitura Palavra, me dizendo pra não desanimar, pois "embora exteriormente estejamos a desgastar-nos, interiormente estamos sendo renovados dia após dia" (2 COR 4:16). O livro que recebemos, Louco Amor, também me ajudou muito a manter o foco e refletir sobre minha posição diante de Deus e dos homens, que tipo de cristã estava sendo, se eu estava sendo sal e luz nessa Terra.
Durante a viagem missionária, entendi o quanto é importante orarmos e intercedermos pelo próximo, quão poderosa é a oração feita com fé e esperança, e o que verdadeiramente

Significa "amar o próximo". É claro que não mudei da água para o vinho depois dessa viagem missionária, que foi a minha primeira. Mas posso finalmente afirmar que eu experimentei o meu primeiro amor, porque quando eu era mais jovem, quando andava no Time de Deus, apenas *achava* que conhecia a Deus, e Ele supria meus proprios desejos. Acontece que, quanto mais O busco e conheço melhor, parece que não sei nada, e minha mente não consegue entender tudo o que Deus faz e fez por mim.

Depois da viagem para Tabatinga, sinto meu coração renovado, não por inteiro, mas surgiu um desejo de viver menos por mim e buscar a verdade na Palavra para glorificar ao único que é digno do meu louvor.

"Senhor Deus! Quantas maravilhas tens feito! Não se pode relatar os planos que preparaste para nós! Eu Queria proclamá-los e anunciá-los, mas são por demais numerosos!" (Salmos 40:4-5)

 

 

 

Notícias de Brian e Cecilia - Maio 2015


Pára o carro!!” Gritou o Pastor Nazário.  "É uma cascavel! Eu quero tirar uma foto dela!”.
Nazário é um pastor wapixana que ajudará Brian a ensinar sobre como vencer o alcoolismo no próximo curso do MICALI Avançado em julho. Este assunto é um dos maiores problemas enfrentados e está incluído no curso para os pastores que será sobre aconselhamento bíblico. Estamos trabalhando na contextualização do material e dos recursos visuais que os alunos usarão para ajudar pessoas em suas comunidades a serem libertas desse vício. Um dos desenhos feito pelo irmão do pastor Nazário para esse material é de uma cascavel saindo de dentro de uma cuia, na qual os macuxi e wapixana bebem suas bebidas típicas. A ideia é de enfatizar o enganoso e venenoso efeito do álcool (Provérbios 23:32).

É sempre um desafio tentar entender assuntos complexos e profundos e discernir como comunicar de forma simples e prática no contexto de uma outra cultura. Por isso, orem conosco enquanto Brian escreve as apostilas e ajuda a preparar os outros professores que estarão conosco nesse módulo, inclusive o pastor Nazário que é indígena! Deus usou a vida desse pastor para trazer uma família inteira destruída e mergulhada no alcoolismo para Jesus, a água viva! 

Um passo importante no crescimento da igreja indígena: Trabalhando junto com o pastor Nazário e seu irmão na composição do material.
Quando pensavam: Como seria bom desenhar uma cascavel com uma foto...eis que ela aparece!
Dos dias 5 a 11 de junho viajaremos de canoa com Marcos, professor do MICALI Avançado para visitar 6 aldeias Wai-Wai ao longo do rio Jatapu. O rio está cheio por ser época de chuva, o que facilita a viagem! O propósito é confirmar o convite aos pastores e futuros pastores que participarão do primeiro MICALI Avançado Wai-Wai em Setembro, além de estreitar relacionamentos. Orem conosco por segurança na viagem, boa comunicação e sensiblidade da direção do Senhor.

Agradecemos por suas orações! Depois de várias viagens curtas visitando diferentes aldeias macuxi, a partir de julho até o fim do ano teremos viagens mais longas às comunidades (inclusive a São Paulo em agosto!).

Em Cristo, Brian e Cecilia.
Adeus poeira, olá lama!
Copyright © 2015 MEVA, All rights reserved.

Our mailing address is:
Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo. Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.

 

 

        DEUS AINDA GOVERNA

capa_vajunho2015
Esperamos que possamos experimentar a incrível providência de Deus que opera através da paixão e inteligência de Paulo, meditando o livro de Romanos com o Vida Abundante durante os próximos três meses. Para entender o livro de Romanos, primeiramente, devemos lembrar de que, na ocasião, existia conflito entre os cristãos judeus e os cristãos gentios. Os judeus já estavam espalhados (diáspora dos judeus) pelo Império Romano antes de Jesus, e a corrente principal da Igreja Romana era formada pelos cristãos judeus. Entre os cristãos judeus, apesar de crerem no fato de Jesus ter vindo como Messias, continuavam a acreditar que as práticas da sua identidade, como a circuncisão e as leis (em relação ao alimento, às comemorações, etc.), eram essenciais. Muitos deles acreditavam que os gentios que são incircuncisos, que não cumprem o sábado e que comem carne de porco eram abomináveis. Às vezes, chegavam a exigir dos cristãos gentios que praticassem as mesmas coisas que os judeus. Paulo também era judeu e fariseu, porém ele identificou que essa atitude dos cristãos judeus não combinava com o evangelho. O anúncio de que a salvação ocorre somente através de Jesus Cristo, mediante a fé e não pela Lei, diminuiu o conflito entre judeus e gentios e ensinou os judeus a aceitar os gentios como irmãos, mantendo a unidade.

 

qrcode_-_va_junho_2015

Faça o download do devocional para o seu computador ou dispositivo móvel aqui (clique aqui)


 
Termos de Uso | Política de Privacidade | Mapa do Site
Igreja Yonhap Presbiteriana Unida Coreana de Sao Paulo | Todos os direitos reservados | Pabx: (11) 3208-2555
Historymakers